Indicação de Série - DC's Legends Of Tomorrow












Nome: DC’s Legends Of Tomorrow
Gênero: Ação, Ficção Científica
Classificação etária: 12 anos
Ano de lançamento: 2016
Status: Em exibição
Criação: G. Berlanti, M. Guggenheim









Mais uma vez o universo dos quadrinhos invade nosso querido Blog! Sim, hoje é o dia de falarmos um pouquinho desse spin-off das séries Arrow e The Flash e que também tem um certo relacionamento com Supergirl, já que aconteceu um dos maiores crossovers da história envolvendo as quatro séries!
Bom, tudo começa quando o Mestre do Tempo Rip Hunter (Arthur Darvill) volta 150 anos no tempo para reunir uma equipe de “Legends” para combater Vandal Savage (Casper Crump), um terrível vilão que estava prestes a destruir a Humanidade no ano de 2166. Essa equipe foi formada por uma seleção de “heróis” bem peculiar, já que alguns deles, como Mick Rory (Dominic Purcell) e Leonard Snart (Wentworth Miller), foram apresentados como grandes vilões em Arrow e The Flash. Porém, a série também apresenta os típicos heróis “bonzinhos”, como Martin Stein (Victor Garber), Ray Palmer (Brandon Routh), Jefferson Jackson (Franz Drameh), Kendra Saunders (Ciara Renée), Carter Hall (Falk Hentschel), entre outros que não sabemos definir ao certo, como é o caso da Sara Lance (Caity Lotz).
Gente, como vocês já sabem, eu tenho uma leve queda por tudo relacionado com o mundo dos super-heróis, então minha opinião sobre DC’s Legends Of Tomorrow não podia ser melhor, pois simplesmente adoro a série. As histórias são envolventes, o elenco é muito bom, os efeitos especiais não deixam a desejar, enfim, é uma série bem legal para quem gosta desse gênero.

Bom, confiram essa dica de hoje e espero que vocês gostem! Vale lembrar que a série está em sua segunda temporada, já com renovação garantida para a terceira, e que a primeira temporada já está disponível na Netflix.
Nany 


Marilia Merlino

Tenho 23 anos, moro no interior de São Paulo e adoro tudo que é relacionado a beleza, moda, bem estar, saúde, cultura. Acredito que o quê me faz bem poder também fazer bem ao meu proximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário