Resenha - Divergente, por Veronica Roth













Ficha Técnica:
Nome Original: Divergent
Autor: Veronica Roth
Ano de Lançamento: 2012
Páginas: 504
Gênero: Ficção científica e distópica.
Editora: Rocco




Sinopse:
Numa Chicago futurista, a sociedade se divide em 5 facções - Abnegação, Amizade, Audácia, Franqueza e Erudição - e não pertencer a nenhuma facção é como ser invisível.
Beatrice cresceu na Abnegação, mas o teste de aptidão por que passam todos os jovens aos 16 anos, numa grande cerimônia de iniciação que determina a que grupo querem se unir para passar o resto de suas vidas, revela que ela é, na verdade, uma divergente, não respondendo as simulações conforme o previsto.
A jovem deve então decidir entre ficar com sua família ou ser quem ela realmente é. E acaba fazendo uma escolha que surpreende a todos, inclusive a ela mesma, e que terá desdobramentos sobre sua vida, seu coração e até mesmo sobre a sociedade supostamente ideal em que vive.

Resenha:
Em uma Chicago futurista, a população é divididas em cinco facções: Audácia, os corajosos; Abnegação, os altruístas; Erudição, os gênios; Franqueza, os sinceros; Amizade, os leais.
Beatrice Prior, 16 anos, nasceu na Abnegação, dia do teste de aptidão, o qual ajuda a escolher para a sua nova facção ou continuar na que nasceu, seu teste é inconclusivo, ela não tem uma facção certa, ela é uma divergente, onde corre perigo de vida.
Ela sempre admirou a Audácia, por serem corajosos, por fazerem uma bagunça, por correrem, por serem livres, coisa que na abnegação não podia fazer.
Chegado o tão temido dia, o dia da escolha, Beatrice tem que fazer uma escolha, ir para a Audácia ou ficar na Abnegação, seu irmão, Caleb, também escolherá a sua facção, que é altruísta demais, ele se daria bem na Abnegação. Eles têm que escolher entre ficar com a sua família ou então trai-los, é uma decisão complicada. Caleb é chamado primeiro para escolher e para a surpresa de todos, ele escolhe a facção rival, Erudição, agora ela teria que escolher em abandonar também seus pais ou ser infeliz, ela escolhe a Audácia.
Ao chegar na sede da sua nova facção enfrenta vários obstáculos, por ser a única careta, como os membros da abnegação são chamados, o teste de adaptação é puxado, ainda mais para a Audácia. Quatro, seu instrutor, um cara muito bonito, mas que esconde segredos, implica com Beatrice, ou Tris, como é chamada ali, mas faz de tudo para que ela continue na facção.
Tris enfrenta problemas com a sua primeira fase no teste, por nunca ter feito nada parecido na sua facção antes do sangue, mas a segunda fase ela consegue recuperar tudo o que tinha perdido.
Jeanine Matthews, a chefe da Erudição, se sente ameaçada pelos divergentes, para seu grande plano, ela os caça e os matam, Tris corre perigo e ninguém pode saber que ela é uma. Ela tem que guardar esse segredo.
Uma guerra pode acontecer a qualquer momento, mas ninguém sabe como isso irá acontecer.

Opinião:
O que falar desse livro? Não tenho nem palavras, eu sou extremamente apaixonada pela série, sim, para quem não sabe, existe mais dois livros (Insurgente e Covergente), não tem como não se apaixonar.
Quatro, meu personagem favorito, você tem uma vontade tremenda de dar um soco na cara dele por ele ser tão teimoso e grosso, mas ao mesmo tempo você quer cuidar por descobrir tudo que ele passou, ele é de encantar.
Tris, ela é de arrasar, você se impressiona com a coragem, com a força e com a inteligência dessa menina, ela luta contra tudo que acha errado, mesmo que isso pode acabar com sua vida.
Esse livro te prende a cada linha, página e capítulo lido, você não quer parar até descobrir o que vai acontecer, o que está acontecendo, porque te deixa meio perdida.
E o que falar do casal mais amado? Quatro e Tris, caramba, o romance deles é de encantar, é de se apaixonar, Quatro a defende, a ajuda e ele quer mais do que nunca que ela fique ali, ela consegue amolecer aquele cara marrento, aquele cara que tem segredos.
Vocês devem se perguntar por que o menino chama Quatro né? Não, ele tem um nome, só não falo para não perder a graça, mas o apelido tem a ver com sua história. É muito interessante isso.
O livro é narrado por Tris, você a entende, sente com ela tudo que passa.
Não perca tempo e leia o livro, vale a pena, para quem assistiu ao filme e não leu o livro, vocês não sabem o que tão perdendo, o livro, como sempre, é mil vezes melhor, amei o filme, mas livro é livro né.


Marilia Merlino

Tenho 23 anos, moro no interior de São Paulo e adoro tudo que é relacionado a beleza, moda, bem estar, saúde, cultura. Acredito que o quê me faz bem poder também fazer bem ao meu proximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário